Savio por Savio

Trabalho (Empresas)

Savio Soccer empresa na área de agenciamento de atletas.

Bortolini Patrimonial empresa na área de investimentos imobiliários próprios.

“Sempre aproveitei o tempo livre para estudar e me aprimorar. Desde minha época de atleta, frequentei diversos cursos – Gestão, Finanças e Economia, etc. Aplico nas empresas o que aprendi todos esses anos”

 

Família

“Nasci numa família estruturada, tive uma ótima criação. Meu pai foi uma grande influência na minha vida, me ajudou muito em toda a minha carreira“

“Sou casado com a Suzana há 20 anos. Sempre foi uma grande parceira. Temos três filhos, o Breno, Hugo e Lucas.”

 

Vila Velha – ES

Minha cidade natal, onde esta toda a minha família e onde comecei minha carreira até ir para o Flamengo. Cidade de praias lindas e principal ponto turístico no Espírito Santo.

 

Florianópolis

“Hoje, me divido entre Florianópolis, Rio de Janeiro e Espírito Santo por motivos de trabalho e familiar.”

“Quando recebi o convite para jogar no Avaí, tinha certeza de que seria o último ano da minha carreira e pensei em como seria bom morar em Florianópolis. Três meses depois, não queria mais sair dali, exatamente como aconteceu quando chegamos a Madri. Encontramos tranquilidade, qualidade de vida, paz, segurança. “

 

Flamengo

“Clube no qual sou torcedor e tenho carinho enorme. Passei 11 anos da minha vida e até hoje tenho uma identificação e o reconhecimento, principalmente pela torcida. Será sempre eterno no meu coração.”

 

Real Madrid

“Clube especial na minha carreira onde ganhei os títulos mais importantes, joguei 5 temporadas maravilhosas, intensas e gloriosas.”

 

Real Zaragoza

“ Sem duvida meu melhor momento no futebol Europeu . Foram 3 temporadas e 3 finais de campeonato. Sendo os títulos da Copa do Rei e da Supercopa da Espanha. Entramos na história do clube como um dos melhores times.”

 

Europa

“Fui pra Europa, pensando em ter o mesmo sucesso que tive no Flamengo e, além disso, aprender a cultura de cada País que vivi. Sou muito curioso. Sempre que podia, viajava para conhecer novos lugares. Pesquisava a história dos lugares. Minha grande companheira foi Dona Nair, a avó da Suzana, formada em Museologia, que morou na Espanha conosco.”

 

Espanha

“Depois do Brasil, a Espanha é o meu País. Torço pela seleção Espanhola, depois da seleção Brasileira é claro, tenho um carinho muito grande pelo país, onde sempre fui muito bem tratado, tanto quando joguei no Real Madrid, Real Zaragoza e na Real Sociedad.”

 

Zico

“O Zico é ídolo.”

 

Senna

“Sou apaixonado por Formula 1 graças ao Ayrton Senna, um cara tão fantástico que me fez gostar do esporte.”

 

Júnior

“Júnior é um grande amigo que tenho. Foi ele quem me projetou. Pedia-me para ter paciência que minha hora ia chegar. Se fosse um cara mais afobado, me lançava e me queimava. Tenho carinho muito grande por ele.”

 

Romário

“Foi um privilegio enorme ter jogado com ele durante quase 3 anos. Quando se despediu, citou meu nome como um dos grandes parceiros que teve em campo. Dificilmente terá outro atacante como ele.”

 

Os melhores…

“O melhor treinador com quem trabalhei no exterior foi o Vicente del Bosque, no Real. Ele era um cara que não dava um grito. E sabia perfeitamente fazer com que o time seguisse suas orientações.”

“No Brasil, gostei muito de trabalhar com o Joel Santana, uma pessoa muito sincera com quem fui campeão carioca em 96, e com o Paulo Autuori.”

“O grande craque com quem joguei foi Zidane. diferente de tudo que vi e de uma simplicidade tão grande dentro de campo que fazia tudo ficar fácil. Além disso, uma pessoa incrível.”

 

Palestra no Avaí

 

Gol Azul 20/12/15